Pagámos aleluia pagámos

Pagámos aleluia pagámos.jpg

FMI ó todo poderoso

Já levaste a massaroca

Se não fosse indecoroso

Deixavas algo em troca

 

Prometo não ser rancoroso

Se deixares a paparoca

E nunca serei maldoso

Pois és o dono da moca

 

Bem direi da tua acção

Nos confins do universo

Com quanta força minha

 

Irei beijar tua mão

Irei recitar-te um verso

Mas baixa o IMI à casinha.

publicado por poetazarolho às 00:22 | link do post