Arder

Arder.jpg

“Num desastre natural...”

Ardeu no Rio de Janeiro

P’ra alguns parece normal

Mas ardeu o mundo inteiro

 

Cultura não é fundamental

Mais acima está o dinheiro

Possuí-lo não é um mal

Mal é se nos possui primeiro

 

Tudo gira minha gente

Em torno deste senhor

Que veneramos sem saber

 

Tudo poderá ser diferente

Se nos possuir o amor

O mundo inteiro pode arder.

publicado por poetazarolho às 12:20 | link do post | comentar