Olha o robot

Olha o robot.jpg

O trabalho absorveu

Todo o meu imenso ser

Logo a mente adoeceu

Trabalho para esquecer

 

Felizmente a psicologia

Desenvolveu a equação

Mas logo a economia

Disse não ter solução

 

Pra sanar a dicotomia

Logo a medicina atestou

Dá saúde o trabalhar

 

Se a cabeça se avaria

Passo a ser um robot

Trabalho sem descansar.

publicado por poetazarolho às 22:58 | link do post | comentar | ver comentários (1)