Mimos ao poder


Cultura não é ministério
E nem nunca poderia ser
Cultura é um assunto sério
Não entra em jogos de poder

Ministério é o da agricultura
Aí sim já podemos concordar
Que para uma boa legislatura
Muitos nabos há que plantar

Se a cultura chegasse ao cimo
Seria outra a forma de governar
Agricultura seria despromovida

Pr’a ministro teríamos um mimo
Um dia havemos de lá chegar
Já os nabos far-se-iam à vida.
publicado por poetazarolho às 14:14 | link do post | comentar | ver comentários (1)