Um poema de pedra

Um poema de pedra.jpg

Existe a poesia em pó

Água lhe deves juntar

Poesia em pedra tão só

Quando a água evaporar

 

São poemas doutras eras

Esculpidos por artesão

Artifícios e quimeras

Correia de transmissão

 

Que não te irá explicar

O que ali ficou gravado

À luz do tempo actual

 

Tenta apenas decifrar

Um pedaço do passado

Nessa poesia escultural.

publicado por poetazarolho às 00:00 | link do post | comentar