Inversamente

Inversamente.jpg

Inversamente proporcional

À mentira no poder

É a verdade emocional

Que o povo quer conhecer

 

Podemos ou não podemos

Esta realidade inverter

Por aquilo que nós vemos

Não é fácil acontecer

 

Enquanto fôr o dinheiro

O nosso doce patrão

Só escutamos o bandido

 

Com o semelhante em primeiro

Com o poder do coração

Inverteremos este sentido.

publicado por poetazarolho às 06:31 | link do post | comentar