Futuro urgente

Futuro urgente.jpg

 

 O fim teve um início

O princípio terá fim

Não será o precipício

Que faz as coisas assim

 

Mas precipita emoções

Que em tempo de juízo

Reflecte nas situações

Não aceita o prejuízo

 

Mas no deve e no haver

Deste bailar permanente

Sente-se preso o humano

 

Àquilo que há-de ser

Esse futuro urgente

Que urge no novo ano.

publicado por poetazarolho às 21:56 | link do post | comentar