Esfarrapado

Esfarrapado.jpg

Fugir da morte ou morrer

Estás num beco sem saída

Pois ela irá aparecer

E de forma decidida

 

Não a tentes esquecer

Mas faz jus à própria vida

Já que o morrer e viver

Traçam a linha escondida

 

De um trajecto sinuoso

Que será teu por direito

Assim o saibas conquistar

 

Por vezes chega andrajoso

Não o leves tanto a peito

Tenta apenas respeitar.

publicado por poetazarolho às 16:20 | link do post | comentar